terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

São Paulo - Dia 8

Kidzania

Passamos este dia no Kidzania. Um parque bem diferente para as crianças, que brincam de diversas profissões. O parque fica dentro do shopping Eldorado, no piso 2SS (quando entrar é só descer dois lances de escadas rolantes ou usar o elevador), junto das lojas americanas.

Fomos em uma quinta-feira, pós carnaval, em fevereiro de 2018. O parque de modo geral estava bem cheio, com tempo de espera nas atividades mais concorridas. Para participar das atividades, as crianças precisam ter mais de 4 anos e, em algumas, mais de 6 anos. Os menores de 4 anos
Fomos de táxi até o shopping. De Moema, onde estávamos hospedados, até lá foram mais ou menos 30 minutos e custou 39 reais. Se for de carro, acesse os preços do estacionamento do shopping no site. O estacionamento deste shopping não é o dos mais baratos...

Já passamos por este parque no Chile, na Colômbia e no México, mas sempre optamos por não ir em outro país porque não acompanhamos a criança durante as atividades, ou seja, sem compreender o que o monitor está explicando, nosso pequeno poderia se sentir perdido.

Chegamos no parque 30 minutos antes do horário de abertura. Neste dia o parque funcionou de 10h às 16h30. Os horários e preços variam de um dia para o outro. Verifique no site do parque quando for fazer a sua visita. O ingresso do pequeno custou 99 reais e o meu, de acompanhante, custou 35 reais. A bilheteria tem o layout de um balcão de check in da Latam. Depois de aguardar, entramos no parque e aguardamos mais um pouco pelo horário de início das atividades.


Como é o parque?

No início, tem um pequeno showzinho com a música do parque. O parque tem o formato de uma cidade, com a praça central, lojas, departamentos etc. O parque é todo fechado, com banheiros e bebedouros espalhados. O parque é bem organizado para receber famílias.

Apesar das atividades serem apenas para os maiores de 4 anos, há parquinhos estilo brinquedoteca no segundo andar para bebês e para os maiores, até 5 anos. Há também a sala dos pais, caso os pais queiram ficar por lá para aguardar as atividades dos filhos. No primeiro andar há mais atividades em que as crianças recebem dinheiro (kidzos) para participar. No segundo andar há mais atividades que a criança tem que pagar para participar.


Como o parque funciona?

O parque funciona da seguinte forma, a criança participa de algumas atividades, como bombeiro, paramédico, carteiro, policial etc e recebem por isso.O dinheiro nesta cidade é o kidzos. Em outras atividades, principalmente as que ela leva o produto que produziu, como pizzaria, fábrica de suco, fábrica de bala, hambúrguer do Burger King etc, ela paga em kidzos para participar. As atividades geralmente duram de 20 a 30 minutos.







Na entrada, a criança ganha um cheque de 50 kidzos, que precisa ser trocado pelo dinheiro no banco (não precisa trocar correndo ao entrar no parque, pode trocar mais tarde). Se quiser, na loja vende um cordão porta dinheiro para as crianças usarem.

As atividades ficam espalhadas pelo parque e na porta de "cada estabelecimento" há uma placa que informa a idade mínima para participar, o valor que precisará pagar ou que irá receber e o horário do próximo grupo. Apenas as crianças entram nas atividades. Os adultos ficam olhando pelo lado de fora, através dos vidros.


Meu pequeno brincou de ser bombeiro, paramédico em uma ambulância, enfermeiro em um berçário, policial, pizzaiolo, carteiro, segurança, funcionário em uma fábrica de bala e em um fábrica de suco. O que pretendíamos participar, mas não deu tempo, foi o fotógrafo do jornal e o piloto de avião. A atividade para ser piloto de avião só entram 4 crianças por vez e acontece de 20 em 20 min, como sempre tinha fila, acabou ficando para o final e não deu tempo.








Apesar do parque fechar às 16h30 neste dia, às 16h já estavam acontecendo as últimas atividades. Depois só a lojinha para "comprar" produtos com os kidzos estava aberta. Só a criança entra com os kidzos que sobraram e compra algum produto. Meu filho comprou 2 carrinhos (estilo Hotwheels) por 40 kidzos cada. Há brinquedos por lá até de mais de 1000 kidzos. Neste momento rolou uma certa confusão, pois a sala estava lotada de crianças, muitas sem saber fazer contas e os pais não podiam entrar. Tive que pedir a um funcionário para auxiliar meu filho.

Questões a considerar:

- Eles não entregam mapas, há apenas alguns mapas colados na entrada. Então você acaba andando pelo parque todo e tendo que olhar de porta em porta o horário das atividades, o tempo de espera e a idade mínima. Tentei tirar foto do mapa, mas não agilizou muito. |Geralmente eu deixava o meu pequeno em uma atividade e já ia olhar qual a próxima atividade ele ia participar;
- Como não entregam senhas para as atividades, se quiser participar a criança tem que ficar esperando na porta pela sua vez. Não é permitido guardar lugar na fila. Isso não é um grande problema, o único problema é que a criança pode ficar mais de uma hora aguardando. Se organize para não deixar de ir nas atividades que suas crianças desejam participar. Neste dia, o máximo que meu pequeno aguardou foi 30 minutos na atividade do bombeiro;
- Verifique o Peixe Urbano antes da sua visita, no dia em que eu fui havia promoção e eu só vi depois. Poderia ter economizado 35 reais...
- Não pode sair do parque para almoçar. Pode levar lanches ou comer por lá, tem pizzaria, cafeteria, Burger King com os mesmos preços, pipoca... Meu pequeno almoçou uma pizza brotinho (R$17,00) e eu almocei no Burger King.

Endereço do parque: Shopping Eldorado - Av. Rebouças, 3970 - Pinheiros, São Paulo - SP
Site: http://saopaulo.kidzania.com/pt-br

Nenhum comentário:

Postar um comentário