quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Gramado e Canela - Dia 6

Reservamos este dia no nosso roteiro para conhecer mais Canela e seus pontos turísticos.
Nosso roteiro foi:

1) Parque Mundo a Vapor
2) Catedral de Pedra
3) Parque Mundo Gelado
4) Parque Cascata do Caracol
5) Bondinhos Aéreos (*)

Começamos o dia pelo Parque Mundo a Vapor. Da última vez que estivemos em Canela, em 2010, esse parque estava fechado e infelizmente não pudemos visitá-lo. Só o seu exterior já vale a visita, pois retrata um famoso acidente de trem em Paris, com a locomotiva caindo de uma estação. Este parque mostra o funcionamento de diversas máquinas a vapor, como máquinas que fabricam telhas, tijolos e papel. Há sempre um guia explicando o funcionamentos. Posso dizer, portanto, que não é um parque tão interessante para uma criança de dois anos, como era o meu caso. Porém, nosso pequeno ficou observando as máquinas funcionando e até adorou o passeio de trenzinho a vapor que tem por lá. Quando fomos, o ingresso dava direito a voltar no parque outros dias, verifique durante a sua visita. O ingresso adulto custou R$ 14,00 na época. Dependendo do interesse no assunto do parque, reserve uma manhã para ele. O parque é coberto.
Para mais informações:
http://www.mundoavapor.com.br/


 



Saindo do parque Mundo a Vapor, seguimos para o centro de Canela para almoçarmos e visitarmos a Catedral de Pedra. A igreja, fundada em 37, é belíssima e visita obrigatória em Canela. É possível estacionar ao lado da própria igreja. À noite, a igreja fica com iluminações coloridas, vale a pena passar por lá à noite também. E para jantar, em frente, tem a pizzaria Toca da Bruxa - pizzaria temática com área kids e que as crianças podem montar a própria pizza.
Fica na Praça da Matriz, 69, no centro de Canela.



Dali seguimos para o Mundo Gelado. O Parque Mundo Gelado, para quem nunca visitou nenhum tipo de parque neste estilo, vale a pena. Ao comprar os ingressos na bilheteria, você espera o horário de entrada, pois são organizados grupos para entrar por vez. O nosso guia nos levou até uma sala para colocarmos as roupas apropriadas para entrar no ambiente. Lá dentro é muito frio, muito mesmo, podendo chegar a 20 graus negativos. Portanto, vá de calçado fechado para esta visita. Não se esqueça também de levar roupas extras para as crianças, como toucas, luvas e meias grossas. Nosso pequeno de 2 anos colocou a roupa emprestada de 4 anos, pois o parque não tinha roupa menor. O tamanho não ficou ruim. O parque empresta o casacão com capuz e luvas para todos que irão entrar. O espaço com gelo é pequeno, calculo de ter ficado no máximo uns 20 minutos junto do gelo. Há várias esculturas, até mesa, cama e animais de gelo. Ao sair, você sai em uma lojinha. Na época, o ingresso custou R$ 35,00 por pessoa. O pequeno entrou gratuitamente.
Para informações atualizadas, visite o site antes da sua visita:
http://mundogeladodocapitao.com.br/



Depois do Mundo Gelado, fomos visitar o Parque do Caracol. Tínhamos boas lembranças deste parque durante a nossa visita em 2010. Fomos novamente com o nosso pequeno e não nos arrependemos. Fizemos um passeio rápido, de pouco menos de duas horas. Ao entrar no parque, após estacionar o carro, você encontra a venda de ingressos para um elevador de uma torre, para ver a cascata. Confesso que acho desnecessário, pois assim que você passa deste ponto de venda, você vê o mirante que dá de frente para a Cascata, lindíssimo e gratuito. Ali perto so mirante tem um restaurante, caso queira deixar para almoçar por ali, dentro do parque.

Passeamos por lá apenas seguindo os caminhos marcados dentro do parque. Há trilhas e passeios mais aventureiros, para quem estiver disposto. Seguimos por áreas gramadas, parquinho infantil, passeio de trenzinho (pago a parte) e muito espaço para correr. Em 2010, descemos a escada com milhares de degraus até chegar na base da cascata, desta vez, com uma criança de dois anos, nem cogitamos encarar a escadaria. Se houver interesse, não se esqueça de estar com roupa confortável, ir parando para um descanso e levar água, pois é realmente muito cansativo (730 degraus). Logo na entrada do parque há uma feirinha de artesanato.



 


Os ingressos custaram R$ 12,00 por pessoa na nossa última visita, o nosso pequeno não precisou pagar entrada. Horário de funcionamento: 9h às 17h30.
Obs.: Quando fomos em 2010, fomos de ônibus. Os horários do ônibus que vai para o Parque do Caracol são poucos. Para informações sobre este ônibus, verifique no centro de informações, no centro de Canela. Ou vá de táxi se estiver sem carro.
http://www.gramadocanela.com.br/parque-do-caracol/

(*) Para quem ainda quiser continuar o passeio na região, logo após o Parque do Caracol, tem o Bondinho da Serra. Você pega um bondinho para passear em meio a mata atlântica. Parece que as paisagens são bem legais e ele faz algumas paradas. Tem vista para a Cascata do Caracol também, mas acredito ser mais distante que a vista de dentro do Parque do Caracol. Em 2010, os Bondinhos Aéreos ainda não estava por lá. Em 2015, na nossa última visita ao Rio Grande do Sul, decidimos não ir com o nosso pequeno, pois não tivemos tempo.
Para informações sobre preços e horários, acesse:
http://www.parquesdaserra.com.br/index.php/home/oparque

Nenhum comentário:

Postar um comentário